Pilates e o controlo da ansiedade

Actualmente, o ritmo de vida da população é alucinante e as doenças relacionadas com a ausência de qualidade de vida são cada vez mais comuns, como o stress, a ansiedade e os ataques de pânico. Os horários de trabalho longos e de responsabilidade acrescida, a crise, o trânsito, as refeições pouco nutritivas e pouco saudáveis engolidas à pressa deixam as suas marcas nas nossas mentes e nos nossos corpos. 
A ansiedade é, infelizmente, uma doença cada vez mais usual e é motivo suficiente para recorrer a um médico. Quando é diagnosticada, o médico irá provavelmente prescrever medicamentos ansiolíticos e antidepressivos que controlam o seu humor, o seu estado de espírito, mas que podem causar habituação. Em alternativa, poderá sugerir que pratique actividades relaxantes e que lhe dêem prazer, sendo uma alternativa saudável à medicação. Não se espante se lhe for recomendado praticar Pilates, fazer caminhadas, meditação, entre outros. 

A ansiedade leva muitas vezes as pessoas que dela padecem a sentir uma necessidade de estar sempre a fazer coisas para fugir do seu estado emocional, decorrente de uma excessiva excitação do Sistema Nervoso Central. Um indivíduo que passe muito tempo ansioso, terá tendência para interromper a respiração, como uma forma de defesa contra o medo, o que provoca um bloqueio no diafragma. Um diafragma disfuncional pode provocar diversos distúrbios no nosso organismo, como dores de cabeça, dores de costas, problemas gastrointestinais e até um aumento da ansiedade.
Uma respiração correcta e optimizada mobiliza a coluna na região do tórax, o que fomenta a mobilização do sistema nervoso autónomo, responsável pelo relaxamento, sono, digestão e reprodução.
O Pilates aumenta e melhora a capacidade respiratória, tornando-a num instrumento para alcançar a perfeição na execução dos exercícios e movimentos. Uma vez que corrige a capacidade respiratória, o Pilates traz vários benefícios para pessoas que sofrem de ansiedade, pois vai modificar a condição energética do diafragma, onde a ansiedade está contida. Para além disso, as aulas são feitas num ambiente tranquilo, com música relaxante e são transmitidos e praticados os princípios da concentração e do controlo. O aluno de Pilates adquire consciência corporal e passa a movimentar-se de forma fluida e contínua. Todos estes factores farão com que se sinta melhor, consigo e com o mundo que o rodeia. Só ficará ansioso pelo dia da aula! 
Enviar um comentário